LEMBRETE!

Palavras, silêncio... Tudo fere se estamos ressentidos.
Gi Barbosa

domingo, 23 de outubro de 2016

Fotos ou chamada de vídeo

Tem gente que ama um envio de fotografias, eu prefiro chamada de vídeo. Gosto de ver sorrisos, olhares e expressões diferenciadas e imperfeitas.

O estático em geral pouco me agradou , talvez por ser eu a agitação em pessoa, mas entendo que na sociedade em que vivemos tudo é tão descartável e sem relevância para muitas pessoas que dispensar tempo interagindo olho no olho esteja fora de cogitação.
É que falar por vídeo requer certa exclusividade que uma conversa no Whats app não exige e nela o olhar denuncia muito quem somos de verdade. Fica mais difícil usar máscaras e fazer tipos.
Pelo zap, ao contrário se pode falar com 10 pessoas ao mesmo tempo e para cada uma interpretar um papel.
Mas no fim somos o que somos, né?
Alguns conseguem estar disponíveis para uma pessoa por vez e conhecer profundamente um a um , já outros preferem o superficial da vida.
Bom, preferências à parte eu ainda acho muito mais interessante 5 minutos numa chamada de vídeo que 1 hora numa conversa no zap.
Gi Barbosa Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário